Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Problema Europeu é "Sistémico" vs Vocabulário Económico/Político de Sócrates está mais rico

Registámos que Sócrates nas suas intervenções públicas proferiu hoje uma determinada palavra pela primeira vez, pelo menos que tenhamos conhecimento.
Para explicar a situação de crise económica/financeira e social actual, bem como toda a miséria e míngua que grassa pelo País, Sócrates vem talvez de uma forma camuflada anunciar e justificar a adopção de novas medidas de austeridadde, ou de um reforço das  já existentes. Para legitimar uma eventual intervenção a este nível, são atiradas culpas para cima da Europa e da Moeda "Euro", talvez para justificar  a  dura realidade de crise económica/financeira e social em que o País mergulhou.

No referido contexto, registámos que nas declarações de Sócrates foi proferida uma palavra nova, pelo menos que tenhamos conhecimento, o que obviamente saudamos e aplaudimos.
Uma palavra que enriquece todo um vasto reportório e um vocabulário económico/político construído arduamente ao longo de duros anos de luta e de labuta em prol da Pátria.
Uma melodiosa palavra de esperança que poderá justificar e legitimar todas as acções restritivas e anti-populares a adoptar no futuro próximo. Afinal parece que a culpa é da Europa e do "Euro"...!?

Segundo palavras de Sócrates:
- O problema é Europeu e é um Problema Sistémico!
Bravo! Já agora vamos ao dicionário procurar saber o que significa a palavra "sistémico", Boa?!
Ora bem, segundo o Dicionário "Infópedia" da Porto Editora, a palavra sistémico significa:

adjetivo
1.pertencente ou relativo a um sistema na sua totalidade
2.MEDICINA que afeta todo o organismo, generalizado
ACORDO ORTOGRÁFICO grafia dupla: sistêmico
Para terminar, fica uma questão no ar: Se a culpa da nossa crise resulta do problema sistémico da Europa que dizer dos números da "Dívida Pública Portuguesa" nos últimos 6 anos? Também são culpa do problema sistémico da Europa e do Euro?

Filipa Bragança

Os Rostos por trás do Protesto da "Geração à Rasca" ou Geração dos € 600

O Movimento "Geração à Rasca", foi organizado por jovens portugueses sobretudo através das redes sociais, Licenciados e/ou Mestres que se debatem com um problema que tem a ver com a dificuldade de empregabilidade dos jovens portugueses e/ou baixos salários. Acresce que a maior parte dos jovens concluem as sua Licenciaturas ou Mestrados, com grande sacrifício pessoal e de suas famílias, já que a frequência e a conclusão de um Curso Superior, requer a mobilização tanto do jovem bem como da família e exige pesados recursos, quer financeiros, quer em termos de tempo, já que são consumidas muitas horas, dias, meses e até anos de estudo e de sacrifício.
Jovens que com o apoio, envolvimento, esforço e sacrifício das sua famílias, se mobilizam e investem forte num Projecto que é do jovem e para o jovem, mas que também é da família. Após anos de estudo e esforço, surgem os entraves à empregabilidade, ou então surge uma empregabilidade precária em que a "Geração à Rasca" aufere salários em torno dos € 600, com todas as limitações e todos os constrangimentos que esta situação comporta, em termos de projectos de vida presente e futura.
Como é do conhecimento público, o movimento "Geração à Rasca" está a promover a mobilização de jovens e não jovens, para uma concentração/desfile que terá lugar no dia 12 de Março em Lisboa e no Porto, pretendendo-se que desfilem na Avenidada da Liberdade em Lisboa e na Praça da Batalha no Porto, como forma de alertar e de protestar contra a actual situação de precariedade e de esquecimento em que se encontram.
Num artigo publicado no Jornal "Expresso" e intitulado "As caras por trás do Protesto da Geração à Rasca", são apresentados os jovens que estão na origem desta iniciativa. (Ver em Fonte)

Filipa Bragança

Jornal "Expresso" divulga hoje on-line, 5 Telegramas sobre Portugal obtidos através do Wikileaks


Contém os links que remetem para as notícias avançadas pelo Jornal "Expresso":

  • Telegrama 09LISBON136: o que há de errado com o Ministério da Defesa português?
  • Telegrama 06LISBON2265: Portugal rejeita duas fragatas americanas
  • Telegrama 09LISBON137: os perfis do ex-ministro da Defesa Nuno Severiano Teixeira e do ex-secretário de Estado João Mira Gomes
  • Telegrama 08LISBON433: Lobby dos EUA junto do ministro da Defesa para conseguir um contrato de 100 milhões de euros para a Lockheed Martin
  • Telegrama 08LISBON2780: problemas na FLAD (Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento) e o plano para afastar Rui Machete



  • Fonte: http://aeiou.expresso.pt/conheca-os-primeiros-cinco-telegramas=f634852
    José Luís Magalhães

    domingo, 27 de fevereiro de 2011

    sábado, 26 de fevereiro de 2011

    Jornal "Expresso" faz a primeira divulgação de informações provenientes do Wikileaks

    A primeira divulgação respeita a alegados negócios ruinosos levados a cabo pelo Sector da Defesa Nacional. Segundo a notícia avançada, a embaixada dos EUA em Lisboa terá criticado a recente compra dos dois submarinos por parte da Defesa Nacional. A compra dos submarinos, aliada ao facto de Portugal possuir 39 aviões caças, poderá indiciar um despesismo desregrado e sem critério, por parte da Defesa Nacional. Terá sido referido que se compram "brinquedos caros", quando a grande aposta deveria ser feita num investimento que permitisse adquirir meios capazes de patrulhar e proteger a Costa Portuguesa.
    Foi ainda referido que Portugal apresentará um elevado número de Oficiais Generais, comparativamente com outros países ditos civilizados.
    José Luís Magalhães

    Jornal "Expresso" autorizado a divulgar documentos do Wikileaks

    De acordo com uma notícia avançada por um Site nacional, o Jornal "Expresso" está autorizado a divulgar documentos do Wikileaks.
    De seguida, transcrevemos a notícia na integra.

    "O «Expresso» tem agora acesso aos 722 telegramas da Embaixada dos Estados Unidos em Lisboa que integram os documentos revelados pelo site Wikileaks, a que só sete jornais no mundo tinham tido acesso.
    Depois de um acordo assinado com o jornal dinamarquês Politiken, o Expresso vai juntar assim ao El País, New York Times, Der Spiegel, Le Monde , Guardian, Aftenpost e Politiken na revelação dos documentos confidenciais do Wikileaks.

    Em causa estão telegramas enviados da embaixada dos EUA em Lisboa, 722 ao todo, remetidos entre 2006 e 2009 dos quais cerca de duas dezenas já foram analisados.

    Ricardo Costa, director do semanário, diz que o Governo está avisado desde a passada terça-feira, «Sempre que se tratarem de documentos oficiais o Governo será informado, o protocolo para integrar este grupo de jornais assim o obriga. Mesmo porque pode haver documentos que suscitem questões de segurança», disse.

    O primeiro material a ser publicado diz respeito à área da Defesa, «O primeiro lote que vamos utilizar é sobre o Ministério da Defesa e sobre a Fundação Luso-Americana», adiantou Ricardo Costa.
    (c) PNN Portuguese News Network"

    Fonte: http://www.jornaldigital.com/noticias.php?noticia=25495

    Artigo relacionado: "Wikileaks Portugal - Como o Expresso teve acesso aos documentos"
    In: http://aeiou.expresso.pt/wikileaks-portugal-como-o-expresso-teve-acesso-aos-documentos=f634567

    José Luís Magalhães

    Ambulância do INEM em Serviço de Urgência é mandada retirar do local para dar passagem a carro que transporta Ministro da Justiça

    Cada vez mais destes insólitos episódios vão acontecendo por cá. O que teremos a seguir?
    Em reportagem avançada pelo Telejornal TVI das 13h, uma ambulância do INEM em serviço de urgência e que se encontrava parada a fim de recolher uma idosa vitima de enfarte, residente num bairro antigo de Lisboa,  foi mandada retirar do local para dar prioridade à passagem da viatura que transporta o Ministro da Justiça. O insólito acontece quando a idosa é retirada de sua casa e se constacta que a ambulâncioa tinha saído do local. Segundo a mesma fonte, só passados cerca de 20 minutos a idosa pôde ser transportada, sem que tal situação penalizasse no entanto o seu estado de saúde.
    É ainda de referir que o Ministro é vizinho da dita idosa e que apesar da ambulância ter chegado primeiro, teve que ceder o lugar à viatura ministerial.

    Conclusão: Prioridade à passagem de um Ministro, em detrimento da assistência médica urgente a uma cidadã, cuja ambulância a aguardava parada junto à sua porta.
    Filipa Bragança

    sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

    Novo Código Contributivo produz grito de revolta em Pescador

    O novo Código Contributivo previsto para o Sector da Pesca, provocou palavras de revolta num Pescador da margem Sul, entrevistado na manhã de hoje para o canal de Televisão da RTP1. Segundo o Pescador, os políticos nasceram em "berço de ouro" e não conhecem a realidade do cidadão comum. Ainda segundo as palavras deste cidadão, não acredita em soluções políticas, sendo que, em seu entender, a única solução seria uma revolta idêntica à que se está a viver actualmente nos Países Árabes.

    José Luís Magalhães

    Armindo Araújo entra na mais importante Competição de Ralis do Mundo (WRC)

    O Bi Campeão Mundial de Ralis no Agrupamento de Produção, Armindo Araújo, irá participar este ano na mais importante Competição de Ralis do Mundo, o Campeonato WRC (World Rali Championship)
    THE BESTS felicita o Piloto e acompanharemos aqui a sua entrada no importante Campeonato ao volante de um Mini.
    Armindo Araújo
    In: http://desporto.publico.pt/noticia.aspx?id=1480593

    Mais Rali em: http://thebests2010.blogspot.com/p/motores.html

    quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

    quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

    Uso desproporcionado de força contra recluso na Cadeia de Paços de Ferreira

    Será legitimo o uso  desta violência contra um recluso que já se encontra a cumprir a sua pena de prisão?
    Que tipo de sociedadde estamos nós a construir? Será que é isto que queremos?
    Note-se que o recluso não aparenta oferecer resistência, mas no entanto foi imobilizado com o recurso à utilização de uma arma eléctrica.

    Nota: As Imagens do filme são muito violentas, tanto  do ponto de vista psicológico, como físico!

    "Passa-se numa cadeia portuguesa em Setembro de 2010. É o que mostram as imagens do vídeo que chegou ao PÚBLICO acompanhado de uma carta anónima. O mesmo vídeo, diz a carta, foi enviado ao director geral dos Serviços Prisionais, ao Ministério Público e ao ministro da Justiça. A actuação do GISP já deu origem à abertura de dois processos de inquérito. Um, a cargo do Serviço de Auditoria e Inspecção da DGSP, coordenado por um Magistrado do Ministério Publico, e outro pela Inspecção Geral dos Serviços de Justiça."
    Fonte: Público

    Filipa Bragança

    terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

    Em 6 anos de Sócrates, a dívida pública sobe exponencialmente!...

    Como é possível que continuem a acreditar nesta pessoa (para não dizer outras coisas mais feias)? Comprove as contas do esforço feito ao longo dos últimos 6 anos, numa tentativa de "melhorar o Pais".
     

    segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

    David Bowie - China Girl

    David Bowie - China Girl
    Miniatura

    Fim do Programa “Contra Informação” deixa um vazio na Satírica Política Nacional

    Após 15 anos de emissão em que o Programa “Contra Informação” deliciou o País com o seu humor inteligente, caracterizado pela crítica e sátira política, inesperadamente, em finais de Novembro de 2010, José Fragoso, Director de Programas da RTP, decide-se a favor do fim do Programa argumentando que o formato do mesmo se encontrava esgotado.
    Será que o referido formato estava mesmo esgotado?
    Claro que não! Sejamos inteligentes e pragmáticos! Afinal tratava-se de um tipo de humor inteligente e perspicaz, onde em jeito de brincadeira se apontava o dedo e denunciavam situações delicadas da vida política/social nacional e internacional e, ao mesmo tempo, davam-se reprimendas subtis, a chamada “bofetada de luva branca”. Acontece que este tipo de humor nunca se irá esgotar enquanto os actores da política/sociedade nacional e internacional se forem “colocando a jeito”, existindo tantos “rabos presos”...
    Em entrevista ao Programa “A Voz do Cidadão” da RTP, Mafalda Marques de Almeida, Directora da Empresa de Produções “Mandala”, responsável pela produção do Programa “Contra Informação”, referiu que em 15 anos nunca sentiu pressões por parte da RTP e que também agora, não acredita que o Programa tenha terminado devido a influências ou pressões externas.   
    Reflexão:
    a)    Atendendo às virtudes, ao espírito crítico do Programa, bem como ao facto de eventualmente incomodar alguns sectores da sociedade portuguesa, não terão realmente existido pressões externas?
    b)    O argumento de que o formato do Programa se esgotou não será falacioso? Afinal como se situavam as audiências?
    c)     Um Programa como o “Contra Informação” era pelas suas características e virtudes, uma referência e um património nacional na nossa programação televisiva e claramente serviço público de televisão! Com o final do mesmo, regista-se presentemente um vazio nacional ao nível da satíra política inteligente.
    Porque nos retiram um programa de serviço público e nos impingem continuamente telenovelas e muitos outros programas fúteis, efémeros e medíocres?
    d)    Onde está a responsabilidade social, cultural e pedagógica da Televisão Pública Portuguesa?
    Filipa Bragança

    sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

    Sócrates inaugurou em Trás-os-Montes a escola pública com que sonhou


    "O primeiro-ministro, José Sócrates, inaugurou hoje em Murça o que classificou de um exemplo da escola pública com que sonhou para o país e que é a primeira no interior a dispor da rede de nova geração de Internet. 
    José Sócrates começou o seu discurso expressando a grande satisfação por encontrar no centro escolar de Murça “aquilo que estava no espírito do Governo” e aquilo com que “sempre sonhou”.
    “Estou tão alegre quanto vocês porque eu sonhei com isto há uns anos atrás: sonhei com uma escola com bonitas cores, com moderna arquitetura, sonhei com uma escola com as mais modernas tecnologias, sonhei com numa escola do futuro”, partilhou com a assistência.
    O primeiro-ministro fez um discurso de defesa da escola pública apontando os resultados de nos últimos cinco anos o Governo ter encerrado 3200 escolas com menos de 20 alunos para criar 350 centros escolares, com a abertura de mais 180 prevista para setembro.
    A isto se chama uma revolução na nossa educação. Porventura há muito quem fale de reestruturação e reforma do Estado pois aqui está uma forma de reformar o Estado: chama-se a isto ter mais eficiência, concentrar os recursos, dar melhor aprendizagem, mas também gastar menos dinheiro”, afirmou."


    Comentário - Eis a revolução na Educação: Aposta no cimento, no betão e na internet. Quanto aos Recursos Humanos, é como se não fizessem parte do Sistema de Ensino/Educação. Sofreram cortes que em boa verdade configuram uma  "Declaração de Guerra" aos docentes.
    A "Saga" continua! Carava de vaidades, desfile de arrogância e cinismo!
    Filipa Bragança

    Armando Vara passa à frente de utentes em Centro de Saúde

    Aconteceu hoje num Centro de Saúde em Lisboa. Armando Vara entrou e dirige um bom dia a quem se encontrava na sala de espera. Em seguida, não respeitando a ordem de chegada,  dirige-se ao Gabinete de uma Médica, alegadamente porque precisava  de um atestado médico com urgência, um vez que tinha um vôo marcado e não podia perder o avião. Tudo correria sem sobressaltos se não houvesse uma reclamação de um utente que, indignado e com razão, resolveu manifestar o seu desagrado.
    Acresce que a própria Directora do Centro de Saúde já veio condenadar junto dos jornalistas a atitude lamentável e desrespeitadora de Armando Vara.
    Conclusão: É esta a democracia e o respeito pelo cidadão deste membro da "Escola Sócratina"! Inqualificável e digno de registo o sentido de dever democrátino e de cidadania!
    Se não queria perder o avião, chegasse mais cedo!
    Filipa Bragança

    61 Agrupamentos e escolas aprovaram moções a exigir o fim do processo de avaliação de desempenho

    "A onda cresce e o ME receia o pior. A ameaça de demissão dos directores cheira a chantagem e a medo. São já 61 os agrupamentos e escolas que aprovaram moções a exigir o fim do processo de avaliação de desempenho. Com os salários cortados e as progressões congeladas, insistir numa avaliação de desempenho sem nexo de causalidade entre reconhecimento do mérito e progressão cheira e sabe a crueldade."

    quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

    "Há risco de favelas à volta de Lisboa" -


    Será mesmo verdade? será que o Brasil se mudou para este lado do atlântico?
    É uma verdade que a incompetência e a corrupção, que outros tempos se verificava no Brasil, está, neste instante, completamente implantada em Portugal. É também verdade que cada vez mais se verifica uma enorme diferença entre ricos e pobres e que cada vez é maior a taxa de criminalidade (violenta), ficando as autoridades impávidas e serenas, sem se preocuparem com as vitimas dessa criminalidade (pessoas honestas e trabalhadoras).
    Só esperemos que, quando os tiros começarem a surgir a serio, sejam direccionados para as cabeças correctas (dos Canalhas, Corruptos e Antipatriotas deste Pais).

    Educação - Metas de Avaliação para 2015, enviadas pelas Escolas até 18 de Fevereiro

     Metas de avaliação definidas hoje, mas que já se destinam a um horizonte temporal de 4 anos, ano de 2015...!?
    Reflexão:
    a) Estar a traçar uma meta de avaliação para o ano de 2015, assume contornos de compromisso dos docentes para o futuro;
    b) Em boa verdade, como todos sabemos, alunos e turmas mudam constantemente e cada caso é um caso. Um compromisso de metas para 2015, se for demasiado ambicioso, poderá ser um tiro no escuro que originará mais tarde uma meta não cumprida;
    c) Para efeitos estatísticos e de melhoria de imagem de Portugal junto da OCDE, Governo Português exige por parte dos Professores, um compromisso de avaliação para 2015. Quem exige as metas, não tem a mínima noção do que é estar no terreno, estar na escola, estar na turma, avaliar alunos; 

    d) É muito fácil, mas será legítimo, fazer exigências a partir dos Gabinetes Governamentais, sem conhecer o terreno e sem ter em conta as realidades sociais e económicas que muito diferem e condicionam os resultados e o desempenho dos alunos, nas diferentes regiões do país?;
    e) Se as metas definidas forem demasiado ambiciosas, caso depois não as cumpram, será que os professores não estarão a dar um tiro no pé? Será que este incumprimento terá reflexos na sua avaliação de desempenho?
    f) Objectivamente, o que está a acontecer, é a exigência por parte do Ministério da Educação, de que os Professores hipotequem hoje, independentemente dos alunos e do desempenho no futuro, as suas avaliações para 2015!
    g) Será conveniente que as metas sejam exequíveis e não demasiado ambiciosas, para que exista pelo menos uma pequena margem de segurança.
     JLM

    quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

    segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

    Professores passam todos a contratados - Ai está o verdadeiro objectivo do Governo

    ALERTA !!!
    Os Directores das escolas já têm conhecimento deste documento!!
    Acabam os quadros e passa tudo a contratado (por tempo determinado - os actuais contratados - e por tempo indeterminado - o antigo quadro).
    ISTO É MUITO GRAVE !!!!
    É bom que todos os professores tomem conhecimento da real situação e, entre todos, numa atitude concertada, tomem medidas à altura deste ataque desenfreado à Educação.

    Novos, velhos, mais antigos, do quadro, contratados!!! Toca a todos!! O critério é, e só, económico!!
     Clique.
    Como é possível que esta corja de incompetentes consiga maltratar quem tanto os apoiou. Por acaso não foram todos eles beneficiados (e em grande escala) pelos professores que lhes proporcionaram diplomas (forjados ou não)? Mesmo aos domingos? A Ingratidão e sinonimo de ignorância e lá diz o velho ditado popular Quem cospe na mão que algum dia lhe deu de comer, mais tarde ou mais cedo voltara a passar fome”. Esperemos para ver.

    Grammy 2011 - Melhor Álbum do Ano: Arcade Fire - Tema "The Suburbs"

    O Grupo Canadiano Arcade Fire, na 53ª edição do Grammy (melhores da música) realizado no passado dia 13 de Fevereiro em Los Angeles, Califórnia, venceu o cobiçado Grammy para o melhor Álbum do ano com o tema "The Suburbs".

    Arcade Fire - The Suburbs
    Miniatura


    Melhor Álbum do Ano:
    1º - Arcade Fire - The Suburbs
    2º- Eminem - Recovery
    3º- Lady Antebellum - Need You Now
    4º- Lady Gaga - The Fame Monster
    5º Katy Perry - Teenage Dream


     

    Lucro da Galp sobe 43% para 306 milhões


    A Galp fechou 2010 com um lucro de 306 milhões de euros, impulsionado pelo aumento dos preços do crude.
    E isto porque em Espanha mantém um preço muito inferior ao praticado em Portugal caso contrario os lucros ainda seriam maiores.
    Teremos que reconhecer que, de facto, o objectivo de qualquer empresa é o lucro e como tal, neste aspecto, a Galp deveria estar de parabéns. No entanto, quando esse lucro é conseguido à custa do aumento desenfreado dos preços, mesmo quando o preço do Crude desce ai, já os parabéns deixam de ser merecidos uma vez que, deixam de ser lucros de uma boa gestão e passam a ser lucros originados por uma verdadeira extorsão ao cidadão português.
    Gostaria que estes senhores da Galp e os senhores do Governo tivessem coragem de explicar ao povo o porque dos preços actuais dos combustíveis quando a principal empresa comercializadora apresenta uma saúde de ferro e lucros astronómicos! Será que haverá necessidade de explorar o povo de uma forma tão cruel? E SE O POVO DEIXASSE DE GASTAR COMBUSTÍVEL DA GALP e de outras empresas dominadoras? Seria uma boa politica POPULAR?
    Se calhar, os senhores gestores da Galp e os senhores do Governo teriam que repensar a forma de agir e começar a respeitar mais todo aquele o povo que lhes permite usufruir da vida que têm.

    Reflexão sobre o fim do Par Pedagógico (2 Professores) na Disciplina de Educação Visual e Tecnológica

    Não esquecer que antes das Disciplinas de Trabalhos Manuais e Educação Visual se terem fundido numa única Disciplina que se passou a designar por Educação Visual e Tecnológica, se bem me lembro, tanto a Educação Visual e Tecnológica, assim como as anteriores Disciplinas que a originaram, obrigavam à existência de 2 professores.
    Com a decisão que o Governo tomou de reduzir para um único Professor o que sempre foi competência de pelo menos dois Professores, está à vista a grande aposta na Educação de que tanto tem falado Sócrates. Quanto muito, têm investido no cimento, mas a Educação vai muito para além do cimento. Na Educação o cimento ajuda, mas a maior e a principal riqueza são as pessoas, dimensão esta em que o desinvestimento está a ser claro e constitui um escândalo Nacional!


    Ao contário da ilusão que os Governates pretendem criar, está a haver um claro desinvestimento no Sector da Educação e não é só ao nível da dimensão técnica e artística inerente à Disciplina Educação Visual e Tecnológica. Também ao nível da Educação Física pretendem cortar. Não existe a visão inteligente de perceber que ao cortarem/desinvestirem na área da Educação Física e Desporto Escolar, reduzem ainda mais a capacidadde de intervenção ao nível do combate ao sedentarismo e à obesidadde infantil. Maior número de crianças e jovens obesos hoje, representam mais adultos doentes no futuro e maiores custos para o País ao nível do sector da saúde.

    Visões curtas, políticos fracos, desempenho medíocre = Todos nós pagamos no presente uma factura bem pesada e no futuro, se não mudar muita coisa, tenderá a agravar-se e a eternizar-se ainda mais o problema!

    sábado, 12 de fevereiro de 2011

    Contratados já estão a apresentar acções em tribunal para receber compensação de 1500 euros pela não renovação

    Vinte mil professores que no Ano Lectivo de 2009/2010 estiveram a trabalhar a contrato, pretendem agora ser indemnizados pela não renovação do contrato em 2010/2011.
    In: http://www.tvi24.iol.pt/sociedade/quiosque-dn/1232588-4071.html

    quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

    Bloco de Esquerda anunciou esta tarde na Assembleia da República que irá apresentar uma Moção de Censura ao Governo

    No decorrer da Sessão que hoje teve lugar no Parlamento e que contou com a presença do Primeiro Ministro, o Bloco de Esquerda anunciou que no dia 10 de Março irá apresentar uma Moção de Censura ao Governo.
    Recorda-se que o Presidente da República tomará posse para o segundo Mandato Presidencial no dia 9 de Março, data a partir da qual terá competências para dissolver o Parlamento.

    Despacho sobre Desporto Escolar pode extinguir 1000 horários de Professores de Educação Física

    De acordo com uma Publicação produzida hoje num Blog vizinho, segundo afirmação feita pelo Comité Olímpico e Federação do Desporto de Portugal, se o Projecto de Despacho que o ME divulgou for aprovado, haverá um corte de 1000 horários de Professores que leccionam a Disciplina de Educação Física.
    Está em causa um alegado corte de horas no Desporto Escolar. A medida pode afectar 160 mil alunos.
    A Federação do Desporto de Portugal afirma ainda que os clubes desportivos não tem capacidade para assumir as actividades do Desporto Escolar, o que pode colocar em causa a saúde de muitas crianças e jovens, cada vez mais atingidos pelo sedentarismo e problemas que dai decorrem, tal como por exemplo a obesidade e a diabetes. 

    In:http://www.profblog.org/2011/02/despacho-sobre-desporto-escolar-pode.html


    quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

    Movimento Criado no Facebook propõe Mega Manifestação na Avenida da Liberdade


    Notícia em TVI 24

    Palavras de Sócrates: Não vai haver mais despedimentos na Função Pública

    Aqui temos uma afirmação animadora por parte do nosso PM. No entanto, se perguntarmos  a algumas pessoas o que acham  destas palavras, por exemplo a Professores de EVT, bem como a outros Professores e Funcionários Públicos, uma resposta possível será talvez:
    - Essa afirmação encerra em si uma certa dose de cinismo e talvez até de maldade,  visto que, tal como é do conhecimento publico, milhares de Professores e de outros Funcionários Públicos irão ficar no desemprego, devido à não renovação de contratos. Acresce ainda que segundo palavras de Sócrates, uma das grandes apostas deste Governo é no Sector da Educação. Por acaso nota-se... (ironia).

    Reflexão: Se a não renovação de contratos é uma das medidas propostas pelo actual Governo, visando a contenção da despesa na Função Pública, porque não assumem publicamente que vão fazer essa redução de milhares de postos de trabalho na Função Pública e continuam a iludir e a ludibriar os cidadãos deste País?

    Filipa Bragança